quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Como escolher um obstetra ou uma parteira?

Achei este post por acaso, e adorei. As dicas servem também para quem procura por Doulas. Inclusive a busca na internet, referências, experiências, se tem cadastro www.doulas.com.br/associadas.html e indicações dos médicos a favor do parto natural. 
A escolha do obstetra ou de uma parteira deve ser feita cuidadosamente. Infelizmente, para a maioria das mulheres essa escolha não se dá livremente, devido a fatores como imposições de planos de saúde, profissionais reduzidos no SUS ou baixo conhecimento do tema.
Entretanto, a mulher pode e deve se preocupar com a qualidade do profissional que irá realizar seu parto. É muito comum ouvir as lamentações de mulheres que desejavam um parto normal, mas que (pelos motivos mais absurdos) foram submetidas às operações cesarianas. Sim, operações. Outra história comum é o abandono das mulheres no momento do parto, pois o médico alega ganhar pouco pelo procedimento. Nesses casos, quem faz o parto é o plantonista ou a mulher precisa ser removida para outra unidade de saúde.
Deixo algumas dicas que podem ajudar na análise do profissional:
1)      Peça indicações de pessoas conhecidas que gostam e recomendam o profissional.
2)      Muitos médicos dizem que fazem parto normal, mas na hora não fazem. Se você prioriza um parto normal, procure indicações de pessoas que você conheça que tenham conseguido parir por essa via.
3)      Perceba como é o atendimento no pré-natal. Observe se o profissional é atencioso, interessado e cuidadoso. Um ponto importante: veja se ele te escuta e respeita suas preferências sobre o andamento da gravidez e parto.
4)      Você pode fazer uma pesquisa na internet para saber o que dizem sobre o profissional. Trabalhos, congressos e o próprio currículo podem estar online. Uma dica é usar a plataforma Lattes (um site que reúne o currículo de profissionais que são pesquisadores, formadores ou atuam em programas do Governo). É só digitar o nome do profissional e ver o que aparece. O link é: http://lattes.cnpq.br/

2 comentários:

  1. Olá Cris!
    Que bom que você gostou do meu post! Também adorei o seu blog. O seu trabalho é lindo. Ter uma doula na gestação e parto é uma privilégio sem tamanho. Vou divulgar seu blog no meu, ok?
    Um abraço
    Caroline (gestantesemcrise)

    ResponderExcluir
  2. Adorei esse post!

    Como eu estou tentando engravidar neh
    Eu tava em duvida se continuaria com a minha ginecologista q tbm é obstetra ..

    Sei que ainda nem grávida estou, mas a ansiedade é grande.

    Post PERFEITO!

    ResponderExcluir