sexta-feira, 10 de junho de 2011

O medo da laceração!

Ontem durante uma consulta pré-parto com uma gestante de 40 semanas, eu perguntei para ela se ela tinha medo de algo, e ela disse que tinha medo de laceração. Esse medo é muito comum, as mulheres chegam a preferir a cesárea ao pensar que a vagina pode ser afetada.


O que as mulheres não sabem é que existem várias maneiras de proteger o períneo antes e durante o parto, que nem toda mulher terá uma laceração e que a epsiotomia não protege em nada.
A laceração perineal é quando a pele/membrana rasga, existem graus de laceração que avaliam a profundidade da mesma.


O importante para as mulheres é saber que com a massagem perineal elas diminuem as chances disso acontecer, o exercício de kegel, agachamentos e outros exercícios específicos da fisioterapia também ajudam. Além disso ter um profissional a favor do parto natural ajuda MUITO, e existem médicos que não são a favor da episiotomia, e que adotam maneiras naturais de preservar o períneo.


Coisas simples podem ajudar como: Não fazer força sem ter vontade, parir em posição que protege o períneo e ajuda a gravidade, deixar que o bebê coroe lentamente, compressa morna, massagem perineal com óleo no parto, essas dicas fazem toda a diferença.


Já acompanhei muitos partos com períneos íntegros, e muitos que apesar de todo o esforço resultaram em laceração. O que é preciso entender também, é que as lacerações cicatrizam muito melhor, algumas nem sequer necessitam sutura e que com limpeza adequada logo elas cicatrizam. Lembrando também que a vagina NÃO fica larga após o parto.

Cris De Melo

Téc Enfermagem, Mãe
& Doula!

4 comentários:

  1. Queria te mostrar esse parto,
    tão lindo de uma cunhada de uma amiga minha.
    Nao foi no Brasil, mas vale a pena ver!

    http://youtu.be/zEP9yv8ap7w

    ResponderExcluir
  2. Eu acho LINDO, de chorar, a emoção da Mãe
    de poder ter dado a luz, de ter conseguido. E esse era o 2° PN dela, ela engravidou quando a primeira filha tinha apenas 4 meses, acho.

    Eu botei o link reduzido ali e achei que vc pudesse pensar que era virus, aqui vai completo.

    http://www.youtube.com/watch?v=zEP9yv8ap7w

    Não é bem o nascimento que queria mostrar e sim a CONQUISTA E GLORIA do momento que so se vê assim em um PN.

    ResponderExcluir
  3. Sim, linda a emoção dela mesmo! Apesar do parto ter sido bem tradicional americano, mas como voce disse, não é pelo parto em si, mas pela emoção de ter conseguio.

    ResponderExcluir
  4. Medo da laceração??
    Sinceramente eu não tenho, pois considero pior a episiotomia desnecessária, só para "facilitar" o trabalho.
    Além do mais a laceração é fixinha do lado de uma cesárea...
    Meninas....CORAGEM!!

    Olha o que postei no meu blog:
    http://biologiarosilene.blogspot.com/
    Estou ensinando para meus alunos da sétima série reprodução humana e parto, e passei vídeos sobre o assunto.
    Eles amaram o parto humanizado.
    Vou indicar teu blog como fonte de um trabalho sobre tipos de parto.

    Cris!! Bjokas!!
    Amoooo teu blog, leio todo dia!!!

    ResponderExcluir